Uma nova paixão, uma nova profissão: conheça o trabalho de Suellen Ranalli

⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅

Nascida em Bauru – SP e erradicada em Londrina, no interior do Paraná, a #UArtist Suellen Ranalli, inicialmente, teve uma trajetória profissional distante da arte. Formada em Administração e Marketing, a artista passou longos anos trabalhando com gestão de pessoas.

AS DUNAS DE FLORIPA – PB, por Suellen Ranalli

Antes impensada, a fotografia surgiu na vida de Suellen de forma inesperada, com influência do marido. “Casei com um Fotojornalista e na vida profissional troquei a coordenação de pessoas pela análise de imagens, trabalhando com indexação de fotos para um banco de imagens. O contato diário com fotos de dezenas de profissionais do fotojornalismo, da fotografia documental, fotografia outdoor e outras tantas áreas do mundo das imagens me despertou para essa arte”, explica.

Já imersa no universo fotográfico e com um olhar mais apurado para o fazer artístico, a artista se interessou em criar as próprias imagens e tentar traduzir o seu olhar para o mundo. Assim que ela tocou a câmera, foi paixão à primeira vista. “Quando peguei a câmera profissional pela primeira vez consegui entender o porquê fotógrafos são apaixonados pelo que fazem. Quando consegui enquadrar naquele pequeno retângulo do visor a maneira como eu enxergava o mundo e as coisas ao meu redor, todas as sensações que senti… Aquilo tudo me despertou para o sentimento de ter encontrado a mais prazerosa profissão”, relembra Suellen. 

Influenciada por grandes nomes da fotografia como Henri Cartier-Bresson, Richard Avedon, Miguel Rio Branco, Maureen Bisilliat e Sebastião Salgado, a artista explica que a fonte de inspiração surge, também, do cotidiano e de pequenos prazeres que a vida proporciona. “Não são só fotos que movem os mecanismos da criatividade e da inspiração, na poesia de Manoel de Barros, por exemplo, consigo ver imagens em suas palavras”, reflete.

Com mais de 2 mil obras disponíveis no acervo da Urban Arts, a fotógrafa busca imprimir em seus cliques as próprias percepções da natureza, do abstrato, do esquecido ou das cenas pouco admiradas pelas pessoas. “É uma maneira de me expressar, de muitas vezes enxergar e mostrar o que vejo, o belo nas cenas, lugares e coisas que acabam passando despercebidas para a maioria das pessoas”, afirma.

Já conhecia o trabalho de Suellen Ranalli? Comente aqui de qual obra você mais gostou e aproveite para conferir outras peças da artista em nosso site!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s