Arquideco

Conheça o lambe-lambe e saiba como aplicá-lo na decoração

⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅

Uma das características principais da arte é transformar objetos comuns em peças únicas. A cultura hip-hop, por exemplo, mudou a paisagem urbana, modificando o conceito de cidade e desenvolvendo um novo estilo de fazer e consumir arte.

Provavelmente, você já viu algum poster colado pela cidade e amou aquela arte, talvez tenha até pensado em levar para a sua decoração. Saiba que é uma tendência que vem tomando a cena: os lambe-lambes saíram dos muros das cidades e estão colorindo as casas com muita personalidade e estilo!

Os lambe-lambes tem origem no século 19, com a explosão dos cartazes de propaganda nas grandes cidades. Responsável por anunciar espetáculos, shows e até mesmo comércios, essa mídia publicitária era colada aos montes em muros, postes e em qualquer outro espaço onde fosse possível, chegando a ficar umas por cima das outras.

Esse cenário de posteres espalhados pela cidade foi se consolidando nas metrópoles e acabou se transformando em street art. Atualmente, as impressões lambe-lambe são importantes aliadas na decoração. Presentes em ambientes comerciais e residenciais, conferindo personalidade e um toque descolado aos espaços.

O lambe-lambe da UA vem pronto para ser aplicado na parede. Cada embalagem vem com 24 lambes, 3 para cada arte, em 4 tamanhos diferentes. Para aplicar é super fácil, basta adicionar água na cola que vem com o kit. Com a mistura homogênea, aplique na parede, finalizando com uma nova camada por cima dos lambes. Ah, você pode reforçar a aplicação caso tenha pontas soltas com a mesma mistura.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: