Arquideco

Cinco dicas para escolher quadros com Raquel Lezsy

Composição de obras de arte deve levar em conta simetria e paleta harmônica de cores, sem nunca esquecer que uma Urban Wall sempre será exclusiva e cheia de personalidade

⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅

O quarto jovem tem uma Urban Wall cheia de criatividade. Da esq. para a dir., começando pelo alto: Good Vibes, por Juliana Lima, SM Folhas Verdes 10 B, por Stela Araújo e Marcos Wilke, Love Jazz em amarelo, por Miriam Mendes e Serenata Azul, por Debora Viana. Fotos: Natalia Olivia @siganataliaolivia

Raquel Lezsy foi convidada pela loja Prima Linea, do bairro de Lourdes em Belo Horizonte, Minas Gerais, para assinar um ambiente da mostra de decoração anual do grupo. O desafio era criar um quarto jovem, descolado, que atendesse tanto o sexo masculino quanto feminino e que fosse atemporal. 

O Quarto do Jovem foi projetado para um(a) cliente com personalidade. “Jovens gostam de mudar de ideia, e por isso, escolhemos uma base neutra de cores, como o bege e o cinza, permitindo que ele(a) expresse sua identidade e seus desejos através de elementos decorativos como os quadros, os adornos e um enxoval diferenciado. Dessa forma é possível termos um quarto totalmente atemporal e sempre a cara deles”, diz Raquel.

O quarto tem uma escrivaninha que serve de apoio para estudos e leituras

Para complementar a atmosfera contemporânea, Raquel selecionou obras do acervo da Urban Arts e preparou cinco dicas para quem quer dar um up na decoração.

1. Analise seu ambiente como um todo. Defina o estilo da sua decoração. É preciso manter a harmonia e o equilíbrio entre os novos quadros e os elementos existentes.

2. É importante escolher qual o acabamento da sua arte (tela em canvas ou papel fotográfico). Neste ambiente, optamos por molduras pretas e finas, que são modernas e remetem ao estilo contemporâneo e industrial.

3. Defina qual parede receberá a Urban Wall e qual a melhor opção de tamanho dos quadros. Atente-se à proporção deles em relação ao seu ambiente, mantendo a simetria. 

A parede de tijolinhos e o mobiliário de madeira trazem aconchego ao espaço e o torna muito atemporal

4. Escolha artes que tenham elementos similares. Mesclar frases com elementos geométricos ajudam a criar uma composição mais descolada. 

5. Combine as cores. Crie harmonia evitando que a composição fique poluída. E lembre-se de observar tons usados em todo o entorno.

Paleta de beges e cinzas são ideais como moldura para uma decoração com pinceladas de cores

Gostou do projeto que trouxemos hoje? Comente o que achou.

Quer conhecer mais sobre o trabalho de Raquel Lezsy?

@lezsy_interiordesign

e-mail: raquel@lezsy.com.br

Agradecimentos especiais

@urbanarts_ponteio

Fotos:

@siganataliaolivia

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: