Nossos ♡

Por trás das câmeras: bastidores no Dia Mundial da Fotografia

Artistas da plataforma Urban Arts revelam suas inspirações na hora do clique e nos trazem obras de artes incríveis e registros eternos

⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅

No dia 19 de agosto de 1839, uma nova invenção foi apresentada ao mundo prometendo revolucionar o conceito de imagem: o daguerreótipo, primeiro equipamento fotográfico comercializado, criado pelo francês Louis Jacques Mandé Daguerre (1787-1851). A invenção foi o primeiro passo para o que conhecemos hoje como máquina fotográfica e entrou para a história. Por isso, comemora-se nesta quinta-feira, 19, o Dia Mundial da Fotografia.

Muito mais que um simples registro, a fotografia é uma manifestação artística capaz de eternizar momentos, revelar detalhes que comumente passam despercebidos no cotidiano e abrir um universo de novas interpretações e olhares sob um cenário. E para comemorar essa data tão especial, no #UAblog de hoje selecionamos alguns relatos dos nossos fotógrafos sobre o processo criativo de suas obras. Vem com a gente!

Hall de entrada em Alcatraz

“Construída em 1934 e desativada em 1963, a prisão federal de Alcatraz, apelidada de A Rocha, abrigou os mais perigosos criminosos americanos do seu tempo. Hoje o espaço é aberto para visitas. Estive no hall de entrada e queria fotografar o espaço vazio, uma tarefa praticamente impossível. Optei por fazer um jogo de sombras com o branco e preto da imagem. Se olhar bem, verá que há pessoas ali, vagando. Como as almas que passaram por ali”.

– Rosângela Perry
Obra: Hall de entrada em Alcatraz, por Rosângela Perry

Andanças

“Estava nos Lençóis Maranhenses fotografando aquele lugar incrível quando me deparo com uma pessoa no meio do nada. Sozinha, caminhando. Fiz apenas um clique”.

– André Ribeiro

Nova York 08 PB

“Esta fotografia é muito significativa para nós e hoje reflete muito do nosso trabalho. Primeiramente pelo momento mágico da sua captura. Em meio ao trânsito de carros e pessoas, um canto de pássaro foi eternizado, sem planejamento, sem nenhuma pretensão. Ainda não sabíamos que esta dicotomia entre o natural e o construído seria tão importante em nosso trabalho fotográfico, talvez a essência dele”.

– Stela Araujo e Marcos Wilke
Obra: Nova York 08 PB, por Stela Araujo e Marcos Wilke

Fun Font Atla3

“Através da minha lente, enxergo emoções de um universo despercebido que minha razão não vê”

– Marcia Vasconcellos.
Obra: FUN FONT ATLA3, por Marcia Vasconcellos

2 comentários

  1. A Fotografia é sem dúvida sublime, pois tem o poder de captar um momento e eternizá-lo. A paixão é compartilhada por aqueles que trabalham com esta arte e pelos que a sabem admirar. Nosso parabéns a todos os fotógrafos da UA.

    Curtir

  2. Sempre adimiro uma fotografia, elas nos revela momentos simples, mas ao mesmo tempo pode mostrar um passado uma história, ela nos leva a refletir sobre diversos parâmetros dentro do universo que vivemos, assim viajamos e deixamos nos levar por sonhos que conseguimos alcançar só através de belas fotografias.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: